0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.

Online Mestre Cruz

  • *
  • Administrador
  • Hero Member
  • *****
  • Mestre Cruz
  • Mensagens: 753
  • Sexo: Masculino
  • Especialista em Ocultismo
  • Avaliação: 0
    • Ver Perfil
    • Mestre Cruz
Elisa Day
« em: Outubro 02, 2018, 04:27:43 »

Na Europa medieval, aparentemente, vivia uma jovem chamada Elisa Day, cuja beleza era como a das rosas selvagens que cresciam a descer o rio, todo ensanguentado e vermelho. Um dia, um jovem veio para a cidade e imediatamente se apaixonou por Elisa. Eles namoraram durante três dias. No primeiro dia, ele visitou-a na sua casa. No segundo,  trouxe uma única rosa vermelha e pediu-lhe para encontrá-lo onde as rosas selvagens crescem. No terceiro dia, levou-a até ao rio, onde a matou. O homem horrível supostamente esperou até ela estar de costas e, em seguida, agarrou numa pedra, sussurrando: "Toda a beleza deve morrer" e, com um golpe rápido, matou-a instantaneamente. Colocou-lhe uma rosa entre os dentes e deslizou o seu corpo para o rio. Algumas pessoas afirmam ter visto o fantasma dela a vagar à beira do rio, o sangue a escorrer pela cabeça.


Especialista em Trabalhos de Ocultismo.
https://mediumcruz.com